Mídia Eletrônica

Unesco propõe que 13 de fevereiro seja o Dia Mundial do Rádio

A Unesco sugeriu a criação do Dia Mundial do Rádio. A ideia é que o marco inicial do meio de comunicação de massas mais antigo do mundo seja celebrado em 13 de fevereiro, data em que começaram as transmissões da Rádio ONU, inaugurada em 1946, em Nova York. De acordo com a organização, que reúne 193 países-membros, o objetivo da iniciativa é aumentar a conscientização para importância do rádio no mundo.

A proposta é patrocinada pela Espanha, por meio da Academia Espanhola de Rádio e deve ser votada na Assembleia Geral das Nações Unidas. A entidade integrou um estudo de viabilidade sobre o rádio, organizado pela Unesco.

De acordo com a agência da ONU, a data serviria também para facilitar o acesso à informação por meio de uma rede de emissoras e de estações.

Irina Bokova , diretora-geral da Unesco, chamou atenção para a relevância do rádio por ser um veículo de baixo custo de operação, importante por alcançar especialmente as comunidades remotas. Ela citou o caso de pessoas analfabetas, com deficiências, jovens carentes e tantos outros que são atingidos pela informação por meio das ondas do rádio.

Segundo a chefe da Unesco, o rádio também é uma plataforma ideal para realizar debates públicos, independentemente da escolaridade de seus ouvintes. A agência da ONU disse que o veículo desempenha ainda um papel forte em situação de emergência, como desastres naturais, levando informações à população. Mesmo com todas as vantagens, cerca de 1 bilhão de pessoas não têm acesso ao rádio no mundo.

A proposta de fazer de 13 de fevereiro o Dia Mundial do Rádio começou a ser estudada em junho com o aval de várias agências e organizações. Cerca de 91% dos participantes apoiaram a ideia.

Assessoria de Comunicação da Abert com informações da Rádio ONU

Fonte: Abert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *